WhatsApp chat

Nucleoplastia

Indicação:
É uma técnica indicada em casos de hérnias de disco pequenas, ainda contidas no anel fibroso. A grande vantagem deste método é ser minimamente invasivo, e a alta é no mesmo dia, podendo evitar uma cirurgia aberta.

O que é:
É uma técnica minimamente invasiva também chamada de IDET (Intradiscal Electrothermal Therapy), que consiste em introduzir um cateter de um milímetro de diâmetro no interior do disco, para emitir ondas de radiofrequência específica, que removem e aquecem o disco de maneira controlada, com o objetivo de descomprimir e promover a contração do disco vertebral. Este mesmo procedimento também resulta na coagulação da porção central do disco, o núcleo pulposo, causando a retração e alívio dos sintomas de dor.

Como é realizada:
O procedimento é efetuado em sala de cirurgia convencional, sob anestesia local e uma leve sedação para diminuir o desconforto do paciente durante a intervenção. O paciente permanece acordado durante todo o procedimento, pois a comunicação e suas reações em várias etapas do procedimento são muito importantes, não só para avaliar o estado funcional do disco, como também para evitar lesão neural.

Todo o tratamento demora menos de uma hora e o procedimento em si, em torno de 10 minutos.

Pós-operatório:
Após o procedimento, o paciente é encaminhado para a sala de recuperação pós-anestésica e lá permanece durante uma hora.

Após este procedimento padrão, é encaminhado de volta para o seu aposento e lá permanece até se recuperar da sedação, período que leva de 2 a 8 horas.

Depois da alta hospitalar com analgésico e antiinflamatório não hormonal, aconselha-se repouso por cerca de 2 dias e a prática de atividades leves durante 4 semanas. O alívio da dor lombar é imediata (80% em média dos casos).